Evite rodeios desnecessários

Veja o exemplo de um fragmento de texto recheado de rodeios: Atualmente, no Brasil, país em que  vivemos,  o maior em extensão territorial da América do Sul, em pleno século XXI, na Era da Informática, ainda há mais de 10 milhões de analfabetos, pessoas que não sabem ler nem escrever.

Um professor experiente diria: enrolação pura!

Para que tantos rodeios? Só para “ganhar” (perder, na minha opinião!) linhas?

Veja como poderia ser reescrito de maneira mais concisa e sem perder conteúdo: No Brasil, ainda há mais de 10 milhões de analfabetos. 

Observe as seguintes dicas:

  • Em dissertações argumentativas de concursos, vestibulares e Enem fuja do rebuscamento e priorize a clareza, a organização das ideias e a simplicidade.
  • Não confunda simplicidade com pobreza de ideias, pois enquanto aquela é virtuosa por tornar o texto facilmente entendido pelo leitor, esta é problemática por deixar a redação prolixa, vazia de conteúdo e sem peso argumentativo.
  • Evite, portanto, os rodeios, vá diretamente ao assunto, seja objetivo e retilíneo.
  • Elimine as “gorduras textuais”, ou seja, tudo o que possa ser tirado do texto sem lhe causar prejuízos.
  • Use moderadamente as inversões e as intercalações.

E não deixe de treinar, treinar e…treinar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s