Deu branco? Mantenha a elegância!

É bem possível que, apesar de conhecer o assunto sobre o qual a questão de redação esteja relacionada, você sinta certo bloqueio antes de escrever as primeiras linhas da introdução.

Isso pode ser consequência de diversos fatores, dentre os quais os mais comuns são insegurança, excesso de ansiedade e tensão diante do pouco tempo disponível para a produção textual em ambiente de prova.

Pois bem, o que fazer então? Entregar a folha em branco e estudar mais um ano até a próxima oportunidade? Escrever o que vier à cabeça a fim de livrar-se dessa incômoda tarefa? Absolutamente não!

A primeira atitude recomendada diante da ameaça de “branco” é manter a elegância e não começar a escrever imediatamente!

Respire fundo, dê um tempo para voltar à calma.

A seguir, concentre-se no tema!

Releia os textos de apoio e os enunciados quantas vezes necessárias até você sentir-se seguro(a) das servidões do enunciado.

Não permita que a mente divague.  Pense apenas no que estiver sendo pedido a você.

Lembre-se de que a banca de correção  não estará esperando algum tratado sobre este ou aquele assunto; basta, portanto, em casos de dissertação, por exemplo, que você tenha uma ideia formada sobre o que escrever e alguns argumentos que possam sustentar a sua opinião (tese).

Procure levantar ideias que sejam pertinentes, mesmo que você esteja com aquela sensação de vazio, ou seja, de não saber nada sobre o assunto da questão de redação.

Acredite no seu potencial e vá em frente!

Ah, não deixe de treinar…treinar…e treinar!

Se você desejar aprofundar o estudo, adquira os e-books de nossa autoria, campeões de venda na Amazon: Em Fortaleza, como livros impressos, você poderá encontrá-los nas livrarias Acadêmica (Shopping Aldeota), Saraiva (Shopping Iguatemi) e loja HBM (Shopping Avenida). Agora é treinar, treinar e… treinar!