Como concluir uma dissertação

Há alunos que não sabem concluir um texto dissertativo e fazem o leitor, no último parágrafo, despencar em precipício sem volta.

Para evitar isso, observe as dicas que seguem:

Dê um toque final à redação, reafirmando o tema apresentado na Introdução, arrematando as ideias principais, ou a principal, e apresentando possíveis soluções para o problema discutido ao longo do desenvolvimento (o Enem valoriza muito esse item, chamado de Competência 5).

O uso da expressão inicial no parágrafo conclusivo é facultativo, mas, se você desejar usá-la, sugerimos “Em face dos argumentos acima desenvolvidos”, “Diante da argumentação acima”, “Sendo assim”, “Portanto”, “Conclui-se que…” ou qualquer outro conector similar.

Para textos de até 30 linhas, o parágrafo de conclusão não deve ir além de  cinco ou seis linhas .

Você poderá concluir  com uma interrogação que faça sentido com o que você tenha tratado no desenvolvimento do texto. Exemplo: A pergunta que ainda está sem resposta é esta: qual o melhor conjunto de soluções para o combate à violência urbana no Brasil? 

Evite conclusões evasivas do tipo “Por isso devemos esperar (por que esperar ao invés de agir?) que o governo (que governo?) tome as devidas providências (quais?) para solucionar (como?) o problema da evasão escolar no Brasil”.

Prefira apontar ao leitor possíveis soluções para o problema tratado pela questão. Seja ousado(a), não deixe para os outros as soluções que possam fluir de você.

Exemplo:  “O problema da evasão escolar no Brasil deve ser combatido pelos governos em todos os níveis da gestão pública com incentivos ao comparecimento dos alunos às suas escolas, tais como a contratação de professores qualificados e motivados, o oferecimento de suportes ao ensino e à socialização como bibliotecas, meios eletrônicos de comunicação, acesso à Internet,  quadras poliesportivas, merenda gratuita farta e variada, além de intervenções pedagógicas na elaboração de currículos que instiguem o aluno a dar continuidade aos estudos.”

Seja fiel ao seu planejamento. Não conclua sobre o que você não tenha considerado no desenvolvimento, mesmo que a ideia surgida no apagar das luzes do texto pareça-lhe brilhante; por isso é importante ser criterioso(a) no momento do planejamento do texto, a fim de não deixar de aproveitar os melhores argumentos e os mais adequados e oportunos exemplos, dados numéricos e demais referências.

Agora é treinar, treinar e…treinar.

Se você desejar aprofundar o estudo, adquira os e-books de nossa autoria, campeões de venda na Amazon: Em Fortaleza, como livros impressos, você poderá encontrá-los nas livrarias Acadêmica (Shopping Aldeota), Saraiva (Shopping Iguatemi) e loja HBM (Shopping Avenida). Agora é treinar, treinar e… treinar!