Deu branco na dissertação? E agora?

Você até estudou para a prova, mas situações adversas estão lhe dando a impressão de não saber nada, absolutamente nada, sobre o tema da Questão de Redação.

O que fazer nesses casos?

Entregar a folha em branco e estudar mais um ano até a próxima oportunidade?

Escrever o que vier à cabeça a fim de livrar-se dessa incômoda tarefa?

Absolutamente não!

Aqui vão algumas dicas para esses casos

  • mantenha a elegância e não comece a escrever imediatamente!
  • respire fundo, volte à calma.
  • concentre-se no tema da Questão!
  • releia os textos de apoio e os enunciados quantas vezes necessárias até você sentir-se seguro(a) das servidões do enunciado.
  • não permita que a mente divague: pense apenas no que estiver sendo pedido a você.
  • procure levantar ideias que sejam pertinentes, mesmo que você esteja com aquela sensação de vazio.
  • confie na sua criatividade!
  • sempre haverá o que escrever sobre qualquer assunto.
  • procure emitir uma opinião sobre o assunto da dissertação.
  • levante pelo menos dois argumentos que a sustentem.
  • busque definir o que se pede na Questão.
  • outro recurso interessante é localizar o tema no espaço (seria um assunto de repercussão  local, regional ou nacional?) e no tempo (o assunto diz respeito ao presente, ao passado ou ao futuro?).
  • considere também a fugacidade do assunto (seria crônico ou passageiro?)
  • se o assunto permitir, procure delimitá-lo (estaria restrito a alguma faixa etária ou algum segmento da sociedade?)

Pronto, você já saiu da origem!

Para aprofundar os seus estudos, adquira os livros REDAÇÃO PARA VESTIBULARES, CONCURSO E ENEM e DISSERTAÇÃO NOTA MIL.

Para quem mora em Fortaleza, é possível encontrá-los nos Shoppings Aldeota (Livraria Acadêmica) e Avenida (Loja HBM).

Boa leitura!

Se você desejar aprofundar o estudo, adquira os e-books de nossa autoria, campeões de venda na Amazon: Em Fortaleza, como livros impressos, você poderá encontrá-los nas livrarias Acadêmica (Shopping Aldeota), Saraiva (Shopping Iguatemi) e loja HBM (Shopping Avenida). Agora é treinar, treinar e… treinar!