Saiba reconhecer as relações de implicação subordinadas substantivas

Você pode articular as ideias da sua linha de pensamento mediante relações de implicação por subordinação com valor de substantivo, adjetivo ou advérbio.

Recorde o quadro de possibilidades do primeiro caso, por meio do emprego de orações subordinadas substantivas (introduzidas por conjunção subordinativa integrante “que” ou “se”):

  • subjetivas. Ex.: É conveniente que você decida logo.
  • objetivas  diretas. Ex: Não sei se vou voltar.
  • objetivas  indiretas. Ex: Não duvide do que ela é capaz.
  • predicativas. Ex.: A verdade é que ele não compareceu ao evento.
  • completivas  nominais. Ex.: Estou convicto de que venceremos.
  • apositivas: Ex.: Desejo somente isto: que você seja responsável.

# Um conselho: não deixe de treinar a produção textual à exaustão!

Se você desejar aprofundar o estudo, adquira os e-books de nossa autoria, campeões de venda na Amazon: Em Fortaleza, como livros impressos, você poderá encontrá-los nas livrarias Acadêmica (Shopping Aldeota), Saraiva (Shopping Iguatemi) e loja HBM (Shopping Avenida). Agora é treinar, treinar e… treinar!